PLANTAÇÕES e SEMENTEIRAS espécies autóctones – Pêro Moniz

PLANTAÇÕES E SEMENTEIRAS de espécies autóctones no SÍTIO DO VALE SALGUEIRO (Pêro Moniz – Cadaval)

10 de dezembro, 10.30h

O Sítio do Vale Salgueiro é uma propriedade agrícola vocacionada para a produção de pêra rocha em modo biológico. Vamos apoiar estes produtores no processo de recuperação e das marcas deixadas pela produção intensiva, que se praticava antes da aquisição desta propriedade há cerca de 4 anos, com a plantação e sementeira de espécies autóctones para formação de sebes agrícolas e de um pequeno bosquete.

Vamos partilhar:
– Conhecimentos e práticas na propagação por sementes de plantas do nosso bosque natural, 
– Mão-de-obra e … 
– “Comes e bebes” no almoço

INSCRIÇÕES OBRIGATÓRIAS (gratuitas), para melhor organização logística. Basta contactar-nos para: mpicambiente@gmail.com ou TM 936464658. 
NÃO ESQUECER: Trazer calçado resistente e vestuário confortável e adaptado às condições meteorológicas; “Comes e Bebes” para partilhar; prato, talheres e copo (não descartável) e … boa disposição!
Quem tiver enxada, plantador e luvas, devem trazê-los.

As árvores e as florestas são essenciais à vida, desempenhando inúmeras funções e serviços ecológicos:

  • Produzem oxigénio,
  • Consomem o dióxido de carbono (um dos principais gases com efeito de estufa),
  • Moderam as temperaturas,
  • Facilitam a infiltração da água no solo (e consequente reabastecimento dos lençóis subterrâneos),
  • Fixam o solo e impedem a erosão.
  • Embelezam a paisagem, tornando-a mais atrativa para o turismo
  • Dão abrigo e alimento aos animais (fauna)

A importância das sebes na agricultura

A região Oeste é extremamente humanizada, estando grande parte do seu território convertido em áreas agrícolas, onde é possível encontrar relíquias do anterior coberto vegetal nas sebes que ainda persistem. Importa pois redescobrir os benefícios que as sebes têm para a agricultura!

Assim, a juntar às funções atrás referidas as sebes proporcionam ainda:

  • Proteção contra o vento e geadas
  • Produção de lenha e frutos silvestres
  • Controlo de pragas agrícolas, através do equilíbrio ecológico

Para que as sebes cumpram todas estas funções têm de ser formadas pelas espécies da flora nativa ou autóctone.

Para mais informações pode aceder à exposição online: A Nossa Floresta Autóctone

Esta entrada foi publicada em A nossa Floresta, Eventos. ligação permanente.